Vendas Especiais PCD Honda

Vendas especiais Honda

Empresas: Atendemos as empresas através do faturamento direto, e para que a empresa esteja apta é necessário possuir em sua frota no mínimo cinco (5) veículos, licenciados em nome da empresa (PJ) ou arrendados em seu nome (leasing).
Locadoras: O programa também atende às empresas locadoras. As associadas da ABLA, independente do tamanho da frota, também usufruem da política de descontos.
Associações: A Honda possui convênios com diversas entidades e associações, onde o associado pode adquirir nossos veículos com desconto e faturamento direto da fábrica.
Para veículos destinados à Locadoras, a garantia é de 1 ano, sem limite de quilometragem.

Pessoas com deficiências físicas, mentais e visuais. O portador dessas deficiências poderá adquirir um veículo Honda zero km adaptado às necessidades especiais com descontos de IPI, ICMS, IOF e IPVA, o que pode resultar em até 27.5% de desconto sobre o valor do veículo. Atualmente o valor do veículo e impostos não poderá ultrapassar o limite de R$ 70.000,00. Valor superior somente com a isenção do IPI. Para a isenção existem dois tipos de deficiente?
1) O deficiente físico condutor tem isenção tributária de IPI, ICMS, IPVA e IOF ao adquirir seu Honda zero km.
2) O deficiente não condutor, ou seja, deficientes mentais, visuais e autistas, ainda que menores de 18 (dezoito) anos, tem direito de usufruir das isenções de IPI, ICMS e IOF diretamente ou por intermédio de um representante legal e deve indicar pelo menos um condutor.

Através do Pró-Driver, atendemos o público composto de motoristas (taxistas), que fazem uso de veículo de sua propriedade na atividade de condutor autônomo de passageiros. O taxista usufrui da isenção do IPI e do ICMS, conforme a legislação vigente.
Obs: Para veículos destinados à Táxi, a garantia é de 1 ano, sem limite de quilometragem.

Através deste canal de vendas, atendemos um mercado que tem como principal característica a venda à diplomatas estrangeiros a serviço no Brasil, bem como Embaixadas, Consulados e Órgãos Internacionais.  O faturamento dá-se através do faturamento direto, com a isenção do IPI e do ICMS, de acordo com a legislação vigente, devendo o interessado obter a documentação junto aos órgãos governamentais competentes.